Outros seis integrantes do grupo foram presos, em maio deste ano

RouboDois suspeitos de envolvimento nos assaltos a agências bancárias na cidade de Catu, a cerca de 100 km de Salvador, foram presos e apresentados à imprensa na manhã desta segunda-feira (27), na capital baiana.

A apresentação da dupla foi conduzida pelo diretor do Draco, delegado Marcelo Sansão, e o coordenador da Divisão de Crimes Contra Instituições Financeiras, do Draco, delegado Paulo Roberto Guimarães.

Identificados como Ueldon José Oliveira de Assis e Elielson Evangelista de Oliveira Souza, a dupla foi presa por policiais federais e civis, no sábado (25), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do bairro de Itapuã, em Salvador.

De acordo com a polícia, Ueldon buscou atendimento médico no local após cair da moto que pilotava. A polícia não detalhou se Elielson também buscava atendimento na UPA por conta do acidente com a moto, disse apenas que ele estava com Ueldon no momento da prisão.

Segundo a polícia, Ueldon já cumpriu cinco anos de prisão por tráfico de drogas e, após violar a condicional, cumpriu mais um ano de prisão. Quando participou dos ataques de Catu, em março, Ueldon estava em liberdade há cerca de um mês.

Conforme apontam as investigações, a quadrilha migrou do tráfico de drogas para ataques a instituições financeiras e não possuía conhecimento prático ainda para as explosões criminosas. Em algumas tentativas eles não conseguiram acessar o dinheiro de terminais bancários detonados, sendo um dos fatores que facilitou a identificação dos criminosos.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, a quadrilha também atacou bancos nos municípios de Cícero Dantas, Simões Filho e Jeremoabo. Outros seis integrantes do grupo foram presos, em maio deste ano, com armas e parte de dinheiro roubado, quando passavam pela BR-101, na região de Esplanada.

Fonte: Portal Clériston Silva


Publicidade