A quadrilha foi desarticulada em Olindina – BA

G BarbosaNa tarde desta terça-feira (20), uma operação policial desarticulou uma quadrilha que roubava telefones celulares em lojas do grupo GBarbosa nos estados da Bahia e Sergipe. A operação contou com policiais civis de Tobias Barreto, sob o comando do delegado Fábio Alan e policiais militares da 6° CIPM na cidade de Olindina (BA).

Segundo o delegado Fábio Alan, responsável pelas investigações, a quadrilha havia roubado no dia 30 de outubro, uma loja do grupo GBarbosa na cidade de Poço Verde (SE) e uma outra loja na cidade de Jeremoabo (BA). O delegado intensificou as investigações e descobriu que a mesma quadrilha estaria planejando mais um roubo, desta vez na cidade Baiana de Olindina e se deslocou com a sua equipe até o município.

O delegado detalhou que os suspeitos chegaram na loja por volta das 14h30, em uma motocicleta, renderam cerca de 15 pessoas entre funcionários e clientes e mantiveram reféns dentro da loja. Nesse momento, os policiais entraram no estabelecimento e quando os suspeitos perceberam a chegada da polícia, reagiram iniciando uma intensa troca de tiros dentro da loja. Os dois membros da quadrilha, identificados, como Cleberson de 19 anos e João Vitor 19 anos, ambos naturais de Salvador (BA), foram alvejados e levados ao hospital local, mas não resistiram aos ferimentos.

Nas proximidades da loja, policiais do 6° CIPM, prenderam uma mulher identificada como, Bárbara Helen Santana da Cruz, apontada pela polícia como responsável em dar fuga aos elementos, ela estava em um veículo modelo Gol prata. Bárbara, também tinha a função de esconder os produtos provenientes de roubos cometidos pela quadrilha. Na operação além do carro, foram apreendidos também uma motocicleta e dois revólveres calibre 38, utilizados pelos jovens contra os policiais.

O delegado agradeceu o apoio dos policiais militares Baianos e informou que apesar da situação ter ocorrido dentro do estabelecimento, nenhum funcionário e nem clientes ficaram feridos. Ele informou também, que as investigações continuam com o objetivo de identificar outros membros da quadrilha.

Redação Portal A8


Publicidade